Património e Lazer

Curral das Freiras

Independência da Paróquia

O Curral das Freiras fez parte integrante da freguesia de Santo António, porém, dado o extremo isolamento da sua população, que se encontrava a longa distância do centro da Freguesia de Santo António, a paróquia do Curral das Freiras foi instituída em 1780. No entanto, apenas uma década depois (17 de Março de 1790) é que, por Carta Régia da Rainha D. Maria I, o Curral das Freiras adquire o estatuto de paróquia independente, separando-se definitivamente de Santo António.Na nossa freguesia chegou a existir uma capela dedicada a Santo António, da qual não restam quaisquer vestígios; construída em 1644, nos finais do século XVIII encontrava-se em ruína e, havendo a necessidade de edificar um novo templo, o Convento de Santa Clara, proprietário destas terras, viria a ceder à Diocese o espaço necessário para o efeito. Apesar de não existirem certezas, supõe-se que aquando da instituição paroquial, já se tinham iniciado as obras daquela que viria a ser a Igreja Paroquial.

Topo
Image Description

Monumentos

Apesar da igreja Paroquial ser o único monumento que constitui o património cultural e edificado de Curral das Freiras, merecem também referência as levadas aqui existentes; entre as quais se destacam a levada dos Piornais, a levada do Curral e Castelejo e a levada da Velha, que foi idealizada para a captação de água na Curral das Freiras, sendo conduzida até ao Estreito, Quinta Grande e Campanário; no entanto, esta levada não chegou a ser concluída. A sua curiosa designação “Levada da Velha”, deve-se à imaginação popular, pois segundo a tradição, terá sido uma velha rica a autora deste empreendimento.Antigamente, pelas escarpadas encostas de Curral das Freiras os doentes eram transportados nas típicas liteiras.

Topo
Image Description

Património

A freguesia do Curral das Freiras dispõe apenas como património a sua igreja matriz. No tempo perdeu-se uma capela, em honra de Santo António e construída por volta de 1644. Serviu esta capela de sede da paróquia do Curral das Freiras aquando da sua criação em 17 de Março de 1790 e assim permaneceu até princípios do século XIX, altura em que se procedeu à edificação da actual igreja, em terrenos cedidos à Diocese, em 24 de Julho de 1784, pelo convento de Santa Clara. Entre 1916 e 1918, a igreja sofre importante obras sendo nomeadamente construídos os altares laterais que as respectivas confrarias mandaram construir em honra da Senhora do Livramento e do Sagrado Coração de Jesus, sendo a obra de talha executada ao entalhador Manuel Inocêncio de Sousa e a pintura a José Zeferino (Cirilo). Por esta ocasião é também construído, pelo mesmo entalhador, o altar-mor da igreja. Tendo como orago Nossa Senhora do Livramento a festa da paróquia e freguesia do Curral das Freiras celebra-se no último domingo de Agosto, constituindo, ainda hoje destino obrigatório de inúmeros romeiros.
Ainda que sem a importância da igreja paroquial, não poderemos deixar de destacar a existência de duas importantes e seculares levadas com origem nesta freguesia: a Levada dos Piornais, que irriga a freguesia de São Martinho, a levada do Curral e Castelejo, a Levada Nova de Câmara de Lobos, que irriga significativa área da freguesia de Câmara de Lobos e a levada da Velha, cujos vestígios são visíveis na encosta oeste do Curral das Freiras, desde do miradouro da Eira do Serrado. Relativamente a esta última levada, que ao que parece nunca terá chegado a passar água e tanto a data da sua origem, como o seu construtor não são conhecidos, sendo por isso tema uma lenda, a chamada lenda da levada da velha.

Topo
Image Description

Venha conhecer o nosso património e desfrute das nossas paisagens e gastronomia!

2017 | iGrow